quinta-feira, 10 de março de 2011

Motoboy vida loka!

     Hoje eu vi um documentário sobre Motoboys, esses que nos fazem feliz com aquela pizza ou aquele lanche rápido, manja? Pois então, imagina um trampo desses em cidades grandes como nossas capitais. Fast food, rapidez, fluidez, e preguiça, preguiça? sim, é a tal da preguiça que nos faz ligar num fast food.
    Se fôssemos menos preguiçosos esses caras não iriam sofrer tantos acidentes fatais, como vêm sofrendo. Mas com as exigências do sistema, temos de nos concentrar no trabalho, ou seja, não da tempo de fazer um arroz, feijão e bife (prato típico). Portanto uma alternativa é ligarmos no 0800 disque já vai.
   Porém o problema é mais profundo, na verdade o serviço de motoboy foi uma alternativa ao desemprego, pois a maioria dos motoboys são de bairros periféricos das grandes cidades, e muitos deles não possuem escolaridade o suficiente para um emprego menos periculoso, sem contar nas leis trabalhistas. Com a reestruturação das cidades e sua fluidez fez com que as grandes marcas de fast foods em geral se adaptassem a tal, contudo exigia-se contratação de pessoas para as entregas, isso em meados de 90, para que todos ficassem felizes, quer dizer, menos os motoboys que ganham em média R$ 400,00, anh? sim, foi um relato que ouvi de um desses trabalhadores.
   Porém, o que esquecemos é, esses caras estão sendo encobertos pelo sistema, sujados pelo sistema, pois as vezes muitos deles são artistas, rappers, pintores, grafiteiros, enfim são esquecidos artisticamente falando, portanto uma via de escape é se enfiar nesses empregos ditos perigosos e informais ou autônomos.
   São eles que nos enfernizam com aquelas buzinas, são eles que fazem dos corredores um verdadeiro corre mão, e são eles que vemos estendidos no chão sem ao menos nos preocuparmos.
   O Capitalismo exige rapidez, as pessoas exigem rapidez na entrega, o ser humano se trasnfigurou, o ser humano não da a mínima para um motoboy, porque ele é só um filho da puta que quebrou o retrovisor do meu BMW. Solução plausível : Façam comida em suas casas!
                                               Daí o motoboy vai ficar desempregado?

Um comentário:

  1. fato! e ainda colocarão a culpa neles. como sempre. puta texto!

    ResponderExcluir